6 de setembro de 2013

As únicas aranhas que não odeio


Eu tenho um pavor absurdo de qualquer tipo de aranha, até das pequenas. Mas as únicas que suporto e até gosto um pouco, são as aranhas da série de livros Cirque du Freak, do autor Darren Shan. Por que? Bom, não sei. Talvez porque seja uma das minhas sagas favoritas. Ela é pouco conhecida aqui no Brasil, mas eu tenho certeza que você já ouviu falar do filme "O Aprendiz de Vampiro", com Chris Massoglia e Josh Hutcherson. Pois é, esse filme foi baseado nos três primeiros livros de uma saga de doze. E esta é a primeira resenha do blog, weee! 

Deixando claro que as resenhas que farei serão de livros pouco conhecidos. O motivo é simples; acho que livros bons devem ser lidos por muitas pessoas, muitas mesmo, e divulgar é sempre bom. Então não espere encontrar uma resenha daquele livro famoso (apesar de que irei fazê-las também, já que não leio só livros desconhecidos, haha)

Diferente dos demais livros de terror, Circo dos Horrores, o primeiro livro da saga, começa em um lugar nada comum: em um banheiro. É no banheiro da escola que você irá conhecer Darren Shan (o autor é bem criativo com os nomes dos personagens, nossa), um garoto que se sentiu mal em uma das aulas e saiu para ver se ajeitava o estado de seu estômago. Ele é apaixonado por aranhas, desde pequeno. Darren joga futebol no recreio e é o melhor jogador, é claro. Por falar em futebol, é por esse motivo que entra o segundo personagem da trama: Lucas Leopardo. Uma curiosidade sobre ele é que, no livro original, o nome de Lucas é Steve Leopard, e no filme, eles deixaram como Steve Lenor. Não entendo traduções de nomes e jamais entenderei.

Lucas e Darren são melhores amigos há muito tempo. O garoto é descrito por Darren como "selvagem", é por isso que seu apelido é Leopardo, quando o nome real é Leonardo. Se mete em brigas o tempo todo, é apaixonado por histórias de terror e vampiros, e geralmente trás uma má influência para Darren. Mas ele não parece ligar muito para isso, não. Com mais dois meninos, Alan e Thomas, eles fazem parte de um grupinho bem esquisito. 

Até que, nesse mesmo belo dia... Alan chega sacudindo um papel. Um folheto que mudaria a vida dos quatro para toda a eternidade. No papel, o convite para participar de um espetáculo de horror, o Circo dos Horrores. Para encurtar um pouco, Lucas vai até o local indicado no folheto para comprar os ingressos, mas acaba conseguindo apenas dois. Para um grupo de quatro. Isso significa disputa. Mas, como sempre, não teria história caso Alan ou Thomas tivessem conseguido os ingressos, por isso, Lucas e Darren vão até o circo.

Imagine um homem com duas barrigas, que consegue comer até xícaras, correntes, vidro quebrado. Uma mulher com os dentes mais fortes do mundo, não podendo ser rachados nem por um serrote. Um homem muito alto, com olhos que parecem carvões cravados nas órbitas. Um menino cuja pele é igual à de uma cobra, toda escamosa. Uma mulher que consegue fazer crescer em seu rosto uma barba macia, mas que não pode ser cortada por nenhuma tesoura do planeta. Um híbrido de metade homem e metade lobo, louco pela mistura do sangue e incontrolável. Pequenos anões encapuzados que não falam de jeito nenhum. Um homem tão magro que consegue tocar música com as costelas. Esse é o Circo dos Horrores, o espetáculo mais macabro e assustador que você já viu. Mas, em meio à tanto frenesi, o que mais interessa a Darren é a apresentação de uma aranha e seu dono. Madame Octa e Larten Crepsley fazem parte do show há muito tempo... A aranha é maior do que o normal, parecendo um chapéu grande quando repousa em cima da cabeça do dono. Seu veneno é fatal, por isso, Crepsley a orienta com uma pequena flauta, mandando-a fazer mesuras, comer com garfo e faca. É mágico.

E claro, como todo garoto problema, Darren tinha de fazer uma besteira. Ele se vê tão apaixonado pela aranha que pretende roubá-la. Não sabe como fará isso... O garoto quer dividir o encantamento com Lucas, mas este se encontra abalado em sua cadeira. Pálido, frio e sem fala. Quando o show acaba, Lucas manda o amigo ir embora sozinho, ajudando ainda mais no comportamento estranho do rapaz. Que será que estaria acontecendo?

Bom, lembra que eu disse que Lucas tem fixação em vampiros? Isso significa que o menino também os reconhece. Como Darren está preocupado com o amigo, resolve segui-lo dentro do velho teatro onde o circo se apresentou. Chegando no balcão, ele pode ver perfeitamente Lucas, no meio do palco, conversando com a figura que chama de Vur Horston, vulgo Sr. Crepsley. Lucas insiste em dizer que o homem é um vampiro, usando um nome falso. E tem razão. Mas a parte mais chocante é o que ele fala depois. Lucas Leopardo quer se transformar em vampiro. Diz ser o sonho de sua vida, abandonar a escola, os amigos, a mãe que nunca deu bola para ele, e viver de sangue humano. Darren fica chocado com a afirmação, é claro. Quem não ficaria? O Sr. Crepsley, de início discorda totalmente. Vampiros não sangram crianças. Mas, pensando melhor e na insistência do menino, resolve testar seu sangue. É nessa parte que a coisa piora.

Ao sentir o gosto do sangue de Lucas, Larten Crepsley cospe, xinga e diz que ele jamais poderá ser um vampiro. O sangue dele tem gosto do mal. (Eu meio que ri nessa parte). Lucas é malvado de verdade, e não entende que o modo vampiresco de viver não é assim. Revoltado, o garoto decide declarar guerra ao vampiro, jurando por sua vida que o mataria um dia. Meio tenso.

Bom, para o desfecho da história... Darren acaba roubando a aranha, se achando muito esperto por conseguir adestrá-la. Ele fica algumas semanas com a bichinha, brincando com ela todos os dias. Ele e Lucas estão separados, distantes, tudo por culpa do pequeno flagra no teatro. Mas então o amigo resolve aparecer na casa de Darren. Se você viu o filme, sabe o que acontece. Para fazer as pazes, Darren deixa que Lucas brinque com Madame Octa, e, infelizmente (ou não), ele é picado. E o veneno da aranha é fatal. Como Larten a adestrou para matar em duas picadas, na primeira só acontece uma paralisia. Desesperados, a família de Darren leva Lucas ao hospital, mas o menino sabe que o outro irá morrer, se não conseguir o antídoto. O antídoto que só existe nas mãos de Larten Crepsley, o vampiro.

Chega de contar o livro! Você terá que descobrir o que acontece sozinho. É bem curtinho, e tem uma linguagem bastante informal. O livro é publicado no Brasil pela editora Rocco. Mas lembre-se: a adaptação para o cinema foi feita com base nos três primeiros livros: Circo dos Horrores, O Aprendiz de Vampiro e Túneis de Sangue. Não segue exatamente a mesma história, porque acrescentam personagens novos e novos locais, mas é basicamente a mesma. A luta entre os vampiros e vampixiitas (vampanenze, em inglês). A saga toda possui doze livros, todos pequenos e bem fáceis de ler. Prepara-se para chorar muuuuito, se apaixonar por aranhas, lobos e aberrações.  E, lógico, vampiros.

10 comentários:

  1. É outro filme que eu descubro que é originado de um livro. Aliás, de uma série, haha! Gostei bastante, tô querendo ler agora. E é claro que o livro é super diferente do filme, mas vale a pena ler mesmo depois que eu já tenha visto o filme, né. Hahaha! E eu amo/adoro aranhas mesmo. :3

    Beijinhos.

    http://lullabyforju.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, e tem gente que não sabia! Vale muito à pena, a série é ótima e apaixonante, leia, leia, leia. <3 Obrigada pela visita, meu anjo. (E eu morro de medo, haha!)

      Excluir
  2. Olá, passei apenas pra dizer que já estou te seguindo e voltarei aqui futuramente pra fazer comentários sobre os posts.
    Seu blog é maravilhoso, convido você e suas leitoras a conhecer meu blog
    http://toobege.blogspot.com.br/
    Beijinhos

    Quem seguir no insta, sigo de volta http://instagram.com/theworldofmari

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Mariana! Muito obrigada pela visita e pelo carinho, pode deixar que já estou retribuindo você. <3

      Excluir
  3. Parabéns pelo blog e deixamos o nosso blog a disposição para uma visitinha, passa lá.
    Já tô seguindo ... e te esperando !
    www.unhasebocas.blogspot.com.br
    www.facebook.com/pages/Unhasbocas

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia estes livros e nem sabia das relações com os filmes. Curti bastante, vou tentar conhecer.
    Abraços

    http://reaprendendoaartedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia, são muito bons mesmo! Super recomendo. Obrigada pela visita, beijão! <3

      Excluir
  5. Não conhecia, porém já quero!
    Parabéns pelo espaço. Te desejo um ótimo feriado. Beijos!

    www.novamodaemdestaque.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adquira, Isa! Obrigada pela visita, e um ótimo feriado para ti também. Grande beijo. <3

      Excluir