27 de setembro de 2013

Minha mãe lê comigo!

Eu só queria dizer que foi um imenso sacrifício tirar essa foto. Porque minha mãe é muito tímida e quase não tenho fotos com ela, a não ser as fotos reveladas. E ela detesta que sua imagem esteja na internet, mas eu precisava fazer uma postagem assim, principalmente depois de hoje. O que aconteceu foi que eu cheguei para a minha mãe hoje e fiz a seguinte pergunta: "Mãe, quer um livro?". Surpreendentemente, ela disse sim. Eu emprestei, então, meu exemplar de Fallen, da Lauren Kate, uma história que acho que ela irá gostar. Fiquei surpresa porque é a segunda vez que isso acontece. A primeira foi com o livro Delírio, da Lauren Oliver (muitas Lauren). Eu emprestei o livro simplesmente porque tinha gostado e porque minha mãe não estava lendo nada ultimamente, e ela acabou gostando. E gostou tanto que acho que agora é mais fã que eu. Uma das frases que ela soltou quando acabou a continuação de Delírio, Pandemônio, foi algo assim: "Eu quero que saia logo o terceiro livro, para comprar escondida da Ana e ler antes dela!". Elizabeth, sua danada!





Minha mãe nunca teve muito tempo para ler, mas ultimamente tenho visto ela se interessar pelos mesmos livros que eu, como no caso de Delírio. E o mais legal de tudo isso é que além da minha mãe, hoje consegui emprestar outro livro para a minha tia, que leu ano passado, por intermédio meu, Jogos Vorazes, a trilogia inteira. Hoje fiz a mesma pergunta que fiz à minha mãe, e ao receber um "sim", entreguei nas mãos da minha tia um dos meus livros favoritos: Correr ou Morrer, da trilogia Maze Runner. 

O mais legal de tudo isso é que elas gostam, aprovam, recomendam e ainda viram tietes comigo. Na estréia de Jogos Vorazes no cinema, ano passado, por exemplo, essa mesma tia foi comigo. No meio das adolescentes: eu, três amigas, e ela. E sabe do que mais? Ela não se sentiu deslocada, muito pelo contrário, fui eu quem me senti deslocada, porque minha tia fez tanta amizade com as meninas, algo imediato, e eu fiquei abismada com isso. Livros aproximam idades, pessoas, sexos.

Foi então que eu percebi que os livros são um caminho para te aproximar de todas as pessoas, sejam da família ou não. Porque é muito legal ficar comentando sobre os personagens com a minha mãe. Ou com a minha tia. Ou comentar se é Team Peeta ou Team Gale. Ou se é Team Alex ou Team Julian (no caso de Delírio, e só para deixar claro que sou Team Julian com todas as minhas forças, viu, mãe!). Então, se você tem algum livro que sabe que vai interessar aos seus pais ou a algum familiar mais velho, indique. Ele pode não querer ler, mas tentar é o primeiro passo, certo? Ou então chegue com o livro em mãos, simples! Vale muito à pena. Eu particularmente acredito que a literatura adolescente tem tudo para conquistar o mundo adulto também, como está acontecendo agora. 

Se você não conhece a saga Delirio, pode deixar que, nas próximas postagens, vai ficar conhecendo, porque vem resenha por aí. 

14 comentários:

  1. Ai que linda *-* Minha mãe me incentiva muito a ler também, afinal foi ela quem me ensinou, aprendi a ler com 3 anos porque minha mãe que é professora me ensinou desde quando eu estava dentro dela (:

    http://alimentandosentimentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn, que graça, xará! Pois é, foi minha mãe quem comprou meus primeiros livros, apesar de eu ter aprendido a ler na escola. Um dengo. <3

      Obrigada pela visita!

      Excluir
  2. você.é.team.julian. AAAAAAA
    eu não gostei tanto de Pandemônio como gostei de Delírio, mas shippo mais a Lena com o Julian do que com o Alex (?) HUE
    minha mãe não gosta de ler, e isso é fato, já tentei jogar livros pra ela, mas nem as coisas dela ela lê -q
    e meu pai tem um gosto diferente de leitura que a minha, ele é mais na área filosofia e auto ajuda IUAHEUIHAUIEHAUIE

    beijooos,
    nath.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou o contrário, preferi Pandemônio a Delírio, mas TEAM JULIAN PRA SEMPRE, PQ É MUITO FOFO, CAARA <3 <3 <3 IUASHIUAHISHIAHSIA Poxa, a minha mãe também não gostava de livro adolescente e olha só no que deu :3

      Beijo beijo, gata!

      Excluir
  3. Meus pais nunca foram atados às minhas evoluções quanto a leitura. Minha mãe é pedagoga, está sempre lendo aqueles livros frufru de Paulo Coelho, Içami Tiba e etc. Meu pai é Administrador e lida melhor com os números que com as letras (as dele, por um acaso) são um garrancho. Minha irmã é advogada e, bem, só tem olhos para o Vade Mecum. Enfim, sou forever alone quanto aos meus gostos literários, nenhum deles se importa se estou curtindo "Réuri Potê", "Luscofúsculo", "Dê Vampirus Diário" ou ainda "Fale".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Admito que demorei para entender o Luscofúsculo, mas bem. Isso é triste. Eu pensava que meus pais também não ligavam muito para o que eu lia, mas, como já disse, minha mãe acabou me surpreendendo. Quem sabe eles não te surpreendem também?

      Excluir
  4. Olá Ana H.!

    Também adoro indicar minhas leituras :) E o mais legal é saber as impressões pós leitura, e observar como cada pessoa entende/analisa/absorve de uma maneira diferente!

    estou seguindo o acerejada!

    Bjos e bom final de semana!

    http://joyceinventandomoda.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Joyce! É muito gostoso indicar leituras, é algo que faço o tempo todo, com todo mundo. Obrigada por seguir e já dou uma passadinha no seu blog. <3

      Excluir
  5. Ai amei sua postagem e me identifiquei muito com ela! Eu sou assim também. Minha mãe sempre que me vê com um livro novo, já vai falando: Depois eu vou ler viu? Eu aprendi a gostar de ler com ela, porque ela vivia lendo livro de romance histórico, e acabou que sou apaixonada por livros de romance histórico. Adorei mesmo a postagem >.<

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que linda a sua mãe, cara! A minha não faz muito isso, ela lê quando eu indico, porque muitas vezes leio livros de terror, e é um assunto que para ela não agrada muito. Mas nossa <333 Parabéns *-*

      Excluir
  6. Que incrível!
    Minha mãe me incentiva muiito a ler, porém ela não lê muito haha
    Amei o post!

    Beijos
    http://btocadoslivrom.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Incentivo é tuuuudo. <3 Obrigada pela visita!

      Excluir
  7. Ainn que fofo, vocês duas lendo juntas! é uma pena que não dê para fazer o mesmo com a minha, temos gostos literários muito distintos, talvez dê para fazer com poemas, mas não estou lendo poemas no momento, mesmo assim, gostei muito do post e saber disso. :)

    bjus da afiliada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, ler poemas com a mãe é uma coisa tão linda! Obrigada pelo carinho, gatona. <3

      Excluir